Domingo, 17 de Dezembro de 2017
No aguardo
Julgamento de pedido de liberdade do ex-Codesal Gustavo Ferraz é adiado
Imagem: Arquivo
Publicado em 03/10/2017

O julgamento do pedido de liberdade do ex-superintendente da Defesa Civil de Salvador (Codesal), Gustavo Ferraz, preso no início do mês, após serem encontradas suas digitais no apartamento vinculado ao ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB), onde foram descobertos R$ 51 milhões, foi adiado nesta terça-feira (3). Ferraz está preso no presídio da Papuda, em Brasília.

Segundo a revista Época, o julgamento sobre a liberdade de Ferraz, realizado pela Terceira Turma do Tribunal Regional Federal da Primeira Região, teve a negativa do desembargador Ney Bello, relator do pedido.

Já a desembargadora Mônica Sifuentes, votou a favor da liberdade do ex-superintednente da Codesal, contanto que ele pague fiança. A juíza convocada para atuar no TRF 1, Rogéria Debelli, pediu vista e, dessa forma, foi interrompido o julgamento.

Por: Metro1
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2017 © Todos os direitos reservados - 10 usuários online - Páginas visitadas hoje: 10898