Quinta, 23 de Novembro de 2017
Protestos
Rodoviários metropolitanos não devem aderir a protestos sindicais nesta sexta-feira (10)
Imagem: Arquivo
Publicado em 09/11/2017

As centrais sindicais convocaram protestos em todo o Brasil nesta sexta-feira (10), contra as reformas trabalhista, que entram em vigor no sábado (11), e da Previdência, cuja tramitação está empacada no Congresso.

A data é a véspera do dia em que entram em vigor as mudanças nas leis trabalhistas, uma das principais vitórias do governo de Michel Temer, e já vem sendo alardeada desde outubro.

Na segunda-feira (6), uma reunião entre as centrais bateu o martelo para a convocação do protesto. Esse encontro reuniu representante da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Força Sindical, União Geral dos Trabalhadores (UGT), Intersindical, Conlutas e outros sindicatos.

Uma das maiores categorias sindicais, a dos Rodoviários Metropolitanos informou ao Lauro News Online na manhã desta quinta-feira (9), sobre a não participação durante as manifestações e que o sistema de transporte metropolitano funcionará normalmente.

"Devido a situação de diálogo entre os Trabalhadores e as Empresas e a condição precária do nosso sistema de transporte a Diretoria do Sindmetro informa a todos usuários e a imprensa que o Transporte Metropolitano não vai aderir a paralisação de amanhã (10/11/2017) convocada pelas centrais. Participaremos das manifestações nas ruas com nossa bandeira e dando nosso apoio na luta", afirma a nota divulgada pela instituição.

Por: Redação Lauro News Online
Comentários
veja também
Rede News Online 2011 - 2017 © Todos os direitos reservados - 10 usuários online - Páginas visitadas hoje: 8532